Presidente da CPAS: “Queremos apoiar perda de rendimentos por doenças graves” - Eco

"Carlos Pinto de Abreu foi candidato único à presidência da Caixa de Previdência dos Advogados e Solicitadores (CPAS) para o triénio 2020-2022. Eleito em novembro de 2019, dá agora a primeira entrevista desde que tomou posse. Promete não aumentar contribuições mensais, melhorar o sistema assistencial, garante que a Caixa tem sustentabilidade, recusa a integração no regime geral da Segurança Social e confirma que os advogados têm uma esperança média de vida 11% superior do resto da população, tal como está previsto num estudo referenciado pelo seu antecessor, António Faustino, mas nunca divulgado."

Leia a notícia em www.eco.sapo.pt.

Publicado a 03/02/2020

Imprensa